NOTÍCIAS

Desde que a diretoria do Sindicato dos Trabalhadores do Sistema Agrícola, Agrário, Pecuário e Florestal de Mato Grosso (Sintap/MT), que representa os servidores do Indea e Intermat, tomou conhecimento da exoneração de Tadeu Mocelin da presidência do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea/MT), tem buscado, através de diversas ações reverter a situação e reconduzir o ex-presidente, que é servidor de carreira há cerca de 22 anos, ao cargo que ocupava.

Após exonerar Tadeu Mocelin da presidência do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea/MT) o governo do Estado justificou dizendo que ele próprio havia solicitado a saída do cargo, o que foi divulgado no Diário Oficial e em diversos sites de noticia mato-grossense, porém, a declaração é uma inverdade.

Nesta terça-feira o Presidente e diretor do Instituto de Defesa Agropecuária (Indea/MT) foram surpreendidos com a exoneração do cargo.

Em geral, todo cidadão mato-grossense, independente da profissão ou área em que atua deve ser prejudicado com a crise econômica que instalará em função da pandemia do coronavírus.

Diante das consequências desastrosas que estão por vir em função da pandemia do coronavírus, o Sintap/MT juntamente com o Fórum Sindical protocolou um oficio para o governador de Mato Grosso, solicitando apoio aos servidores do poder executivo, com intuito de amenizar os impactos econômicos ocasionados pelo alastramento da doença. O mesmo documento foi enviado ao secretário estadual de Planejamento e Gestão, Basílio Bezerra, e secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho.

O governo federal publicou um decreto que define como serviços públicos e atividades essenciais a vigilância e certificações sanitárias e fitossanitárias, a prevenção, controle e erradicação de pragas dos vegetais e de doença dos animais e a vigilância agropecuária internacional.

O Governo do Estado de Mato Grosso decretou medidas excepcionais, de caráter temporário, para a prevenção dos riscos de disseminação do Coronavírus (COVID-19) no âmbito interno do Poder Executivo do Estado por meio do Decreto Estadual nº 416, de 20 de março de 2020.

Terça, 24 Março 2020 09:50

Comunicado SINTAP/MT

Escrito por

O SINTAP empenhado em acompanhar de perto e prestar assistência aos servidores pertencentes a sua base não tem medido esforços para trabalhar com afinco e dedicação atendendo a todos que assim solicitam e necessitam.

Após reivindicações de servidores que atuam no complexo laboratorial do Indea/MT, localizado no Jardim Planalto, em Cuiabá, a presidente do Sindicato dos Trabalhadores do Sistema Agrícola, Agrário, Pecuário e Florestal de Mato Grosso (Sintap/MT), que representa os servidores do Indea e Intermat, esteve visitando o local na tarde desta sexta-feira (21.03).

Diante da pandemia da Covid 19, que vem acometendo diversos países e se alastrado de forma rápida pelo Brasil, uma das principais orientações dos poderes de saúde é de que a população fique em casa, se protegendo, com exceção dos profissionais que realmente precisam sair para trabalhar, como por exemplo, quem atua na saúde ou na segurança pública, porém, em Mato Grosso, o governo do Estado decretou diversas medidas na última sexta-feira, algumas delas são: A redução no expediente para seis horas, além de revezamento de servidores nas pastas e férias obrigatórias.

Parceiros