SINTAP ALERTA: Termina nesta quarta-feira (15.03) prazo para produtores de algodão cadastrar propriedades no Indea

Terça, 14 Março 2023 09:37 Escrito por  tamanho da fonte diminuir o tamanho da fonte diminuir o tamanho da fonte aumentar o tamanho da fonte aumentar o tamanho da fonte

 

 Assessoria de Imprensa

Sintap/MT

O Sindicato dos Trabalhadores do Sistema Agricola, Agrário, Pecuário e Florestal de Mato Grosso (Sintap/MT), que representa os servidores do Indea e Intermat, alerta aos produtores de algodão que termina nesta quarta-feira (15.03) o prazo para fazer o cadastro das unidades de produção junto ao Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea).

Lembrando que o cadastro anual obrigatório é uma exigência da Instrução Normativa Conjunta Sedec/Indea nº 01/2016, que dispõe sobre as medidas fitossanitárias para controle do bicudo-do-algodoeiro em Mato Grosso, considerada a principal praga que atinge a cotonicultura e que pode acarretar elevadas perdas na produção e até a inviabilização do cultivo devido aos altos custos para o controle da praga.

O produtor que não realizar o cadastro dentro do prazo legal fica sujeito à multa, no valor de 10 Unidades Padrão Fiscal (UPF-MT), que atualmente corresponde ao valor total de R$ 2.243,50.

“Importante realizar o cadastramento para não sofrer penalidades e também para que seja possível se obter informações que contribuam com a adoção de medidas fitossanitárias efetivas de controle do bicudo-do-algodoeiro, com base na distribuição da cultura e consequentemente da ocorrência da praga no estado”, disse a presidente do Sintap/MT, Diany Dias.

COMO FAZER O CADASTRAEMENTO

O cadastramento de propriedades produtoras de algodão é feito pela internet, no Sistema de Defesa Vegetal do Estado de Mato Grosso (SISDEV), através do seguintes link de acesso:

https://sistemas.indea.mt.gov.br/SISDEV/Logout.action

O cadastro também pode ser feito nas unidades locais do Indea.

 

 

Ler 340 vezes
Avalie este item
(0 votos)
Sintap-MT

Sindicato dos Trabalhadores do Sistema Agrícola, Agrário, Pecuário e Florestal do Estado de Mato Grosso.

Parceiros