Com vários casos de covid, falta de equipamentos e produtos básicos de prevenção no Indea e Intermat, Sindicato pede fechamento das autarquias Destaque

Quinta, 11 Março 2021 18:29 Escrito por  tamanho da fonte diminuir o tamanho da fonte diminuir o tamanho da fonte aumentar o tamanho da fonte aumentar o tamanho da fonte
 
Assessoria de Imprensa
Sintap/MT
 
Após terem sido diagnosticados diversos casos de servidores infectados com a covid-19 e denúncias de falta de equipamentos de segurança e produtos básicos como álcool em gel nas unidades do Instituto de Defesa Agropecuária (Indea/MT) e no Instituto de Terras (Intermat), o Sindicato dos Trabalhadores do Sistema Agrícola, Agrário e Pecuário do Estado de Mato Grosso (SINTAP/MT), que representa os servidores das pastas, está solicitando o fechamento total das autarquias.
“Nós estamos desesperados já com a forma com que a direção dos órgãos esta tratando toda essa situação. Não vemos nenhuma preocupação dos responsáveis para resolver todos esses problemas já alertados por diversas vezes, inclusive por este sindicato. Os servidores, assim como os cidadãos que necessitam dos serviços realizados pelo Indea e Intermat estão à mercê da sorte para não serem contaminados. Suas vidas, assim como de seus familiares estão em risco”, afirmou a presidente do Sintap/MT, Rosimeire Ritter.
Diante de toda essa situação e por já ter sido cobrado por diversas vezes medidas de prevenção, o Sintap/MT pede o fechamento do Indea/MT por um período, até que se controle a doença e atendimento telepresencial para os servidores do Intermat/MT.
 
“As atividades desenvolvidas pelo Indea são consideradas essenciais e típicas de Estado, não podendo paralisar, porém, se continuar da forma que está, mais servidores serão contaminados e terão que parar da mesma forma, o que será pior, então, pedimos para que feche agora para que pelo menos se controle a doença dentro da autarquia”, afirmou Rosimeire.
 
OFICIO – Relatando todos os problemas atuais e os riscos aos quais os servidores e cidadãos estão expostos, o Sintap/MT fez um oficio para a direção da autarquia. O documento foi protocolado nesta terça-feira e pede medidas emergenciais, sob pena de que se na for feito, o sindicato requisitará às autoridades competentes a adoção de medidas judiciais, penais e administrativas adequadas para garantir a saúde e segurança dos servidores.
Ler 150 vezes
Avalie este item
(0 votos)
Última modificação em Quinta, 11 Março 2021 20:08
Sintap-MT

Sindicato dos Trabalhadores do Sistema Agrícola, Agrário, Pecuário e Florestal do Estado de Mato Grosso.

Parceiros