Diretor Financeiro do Sintap participa de reunião da CPI da Previdência

Sexta, 21 Junho 2019 05:51 Escrito por  tamanho da fonte diminuir o tamanho da fonte diminuir o tamanho da fonte aumentar o tamanho da fonte aumentar o tamanho da fonte
Segundo a equipe técnica da Comissão, os representantes são servidores dos setores administrativos, contábil e jurídico do órgão público, e durante a audiência pública, explanaram e responderam os questionamentos referentes aos documentos pertinentes da previdência social dos servidores públicos estaduais.
Representantes do MT Prev (previdência do Estado) foram convidados a apresentar dados técnicos à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Previdência, que analisa a contabilidade entre a receita e despesas dos aposentados e pensionistas da Previdência Social de Mato Grosso, em reunião realizada na tarde desta terça-feira (18.06), na Assembleia Legislativa.

Segundo a equipe técnica da Comissão, os representantes são servidores dos setores administrativos, contábil e jurídico do órgão público, e durante a audiência pública, explanaram e responderam os questionamentos referentes aos documentos pertinentes da previdência social dos servidores públicos estaduais. Os questionamentos foram solicitados no último encontro, ocorrido no dia 10 abril.

No mesmo dia, foram aprovados encaminhamentos, ofícios e requerimentos para vários órgãos públicos, como MT Prev, Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz), Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat), entre outros. Além disso, foi solicitada a disponibilização de informações e documentos à CPI, e teve a participação dos representantes do Fórum Sindical.

O diretor financeiro do Sindicato dos Trabalhadores do Sistema Agrícola, Agrário e Pecuário de Mato Grosso (Sintap), Francisco Borges,  esteve presente e avaliou como proveitosa a reunião. “Posso dizer que foi muito proveitosa, onde a diretoria e servidores do MTPREV, esclareceram alguns pontos que não tínhamos conhecimento, como por exemplo, os aposentados e pensionistas de Mato Grosso do Sul,  que são pagos pelo nosso estado e recebem em torno de 600 milhões por ano, além de outros pontos importantes para o entendimento da situação porque passa a previdência estadual”, disse Borges.

Ficou acordado que na próxima terça-feira (25.06), será dada continuidade a apresentação do MTPREV. “Nessa data vai ser apresentada a mais importante pauta, que é o histórico do extinto Ipemat, que era o órgão que cuidava no passado da previdência estadual. Nós estaremos presentes, pois como representantes de uma categoria de servidores vamos acompanhar todo esse processo”, finalizou ele.

Autor/Fonte: ComunicArte - Assessoria de Imprensa/Sintap/MT

Ler 78 vezes
Avalie este item
(0 votos)
Sintap-MT

Sindicato dos Trabalhadores do Sistema Agrícola, Agrário, Pecuário e Florestal do Estado de Mato Grosso.

Website.: www.sintapmt.org.br/

Parceiros