Sintap/MT alerta servidores do Indea e Intermat sobre prazo para recadastramento junto a Seplag Destaque

Quarta, 24 Mai 2023 20:07 Escrito por  tamanho da fonte diminuir o tamanho da fonte diminuir o tamanho da fonte aumentar o tamanho da fonte aumentar o tamanho da fonte

Assessoria de Imprensa

Sintap/MT

Os servidores e empregados públicos ativos do Estado de Mato Grosso têm até o dia 30 de junho para realizar a atualização cadastral periódica obrigatória junto a Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag).

De acordo com o Sintap/MT, o recadastramento é uma medida importante para evitar problemas futuros relacionados a pagamentos e benefícios, além de garantir a correta inserção dos dados dos servidores nos sistemas do governo estadual. O sindicato alerta que o não cumprimento do prazo estabelecido pode acarretar em prejuízos e transtornos aos servidores.

O recadastramento pode ser feito de forma on-line, por meio do sistema disponibilizado pela Seplag. “Os servidores devem acessar o sistema utilizando seus dados de identificação e preencher as informações solicitadas. É importante que os dados sejam preenchidos corretamente e de forma completa, para garantir a precisão das informações registradas”, informa a presidente do Sintap/MT, Diany Dias.

Além disso, o Sintap/MT orienta os servidores a conferirem os dados cadastrais já existentes, verificando se estão atualizados e corretos. Caso haja alguma informação incorreta ou desatualizada, é fundamental corrigi-la durante o recadastramento.

O sindicato ressalta que o cumprimento do prazo estabelecido pela Seplag é de responsabilidade dos servidores. Portanto, é essencial que eles estejam atentos e realizem o recadastramento dentro do prazo determinado.

“Caso tenham dúvidas ou enfrentem dificuldades durante o processo, o Sintap/MT orienta a procurarem a Seplag ou o setor de Recursos Humanos de seus órgãos de origem para obterem o suporte necessário ou também podem buscar orientação com a nossa própria equipe do sindicato”, diz a presidente.

SOBRE O RECADASTRAMENTO

O processo de recadastramento teve início no dia 1º de maio. Ao todo, 87,3 mil servidores estão aptos a fazer a atualização cadastral. Contudo, apenas 24% deles concluíram o processo (21,7 mil servidores) até o momento. Outros 22,2 mil servidores também iniciaram o recadastramento, mas não finalizaram, e pouco mais de 43,3 mil ainda nem começaram.


Conforme a Seplag, este ano o recadastramento é composto de oito etapas. O servidor ou empregado público só conseguirá passar para a etapa seguinte após preencher e finalizar a anterior. No entanto, poderá salvar a atualização cadastral em qualquer etapa e reiniciá-la em momento posterior, sem perder os dados fornecidos anteriormente, até que conclua todo processo.


Além disso, os dados relativos ao ano anterior já aparecerão automaticamente no sistema, de forma a proporcionar maior facilidade e agilidade no recadastramento. A atualização cadastral será considerada concluída após o servidor realizar todas as etapas, a chefia imediata ou a gestão de pessoas de seu órgão comprovar seu vínculo funcional, e por fim, a emissão pelo sistema do comprovante com o número de protocolo.


Vale lembrar que quem não se recadastrar no prazo previsto poderá ter o salário suspenso até a regularização.


O recadastramento deve ser realizado pelo site do Indea através do link:
https://servicos.seplag.mt.gov.br/recadastramento/ onde o servidor deverá fazer a declaração de bens e também pelo portal do servidor https://servicos.seplag.mt.gov.br/portalservidor/
acesso ao sistema é feito com o mesmo usuário e senha utilizados no Portal do Servidor.

O Sintap/MT lembra que o servidor deve fazer o recadastramento tanto no portal do Indea em relação aos bens, como também no portal da Seplag.

Ler 403 vezes
Avalie este item
(0 votos)
Sintap-MT

Sindicato dos Trabalhadores do Sistema Agrícola, Agrário, Pecuário e Florestal do Estado de Mato Grosso.

Parceiros